Saúde

O bacalhau é um peixe de origem verdadeiramente selvagem, pescado em alto mar, e um dos alimentos mais ricos em proteínas que podemos incluir na nossa dieta, com 21 gr. de proteína por cada 100 gr. de peixe. Estamos perante uma proteína muito valiosa, com um potencial gastronómico enorme, muito versátil e, acima de tudo, com uma enorme qualidade. No seu processo produtivo, a chama Cura Tradicional Portuguesa, não lhe é adicionada qualquer substância além do sal, que acaba por ser retirado na demolha.

 

Ao mesmo tempo, o bacalhau é um peixe pobre em gorduras, uma vez que tem apenas 0,5 gr. por cada 100 gr, e a pouca gordura que possui é mono e polinsaturada, logo rica em ómega 3 e ómega 6.

PRATO_LOMBOcomTodos_Riberalves

O Bacalhau com todos da Noite de Natal

Entrámos em Dezembro, o mês de almoços, lanchinhos, jantares com família e amigos… e que bom que é estar à mesa!

Neste mês são poucos os que conseguem perder peso, muitos aumentam e alguns têm a sorte de manter o peso.

Em relação à noite de Natal, em que a mesa está repleta de coisas boas mas muito calóricas (queijos, frutos secos, doces – muitos deles fritos -, álcool, etc.) há algo que consegue equilibrar e sobressair de todos os outros excessos. É o prato principal – o bacalhau com todos.

Este prato consegue ter tudo o que é saudável na nossa alimentação: peixe (bacalhau), verduras (couves) e leguminosas (grão). Normalmente juntam-se ainda as batatas cozidas. Quem quiser controlar o peso do Natal pode abdicar das batatas, sabendo que não vai conseguir resistir a alguma das sobremesas,

Se por graça compararmos calorias, vamos ter a mesmas calorias num bom prato de bacalhau cozido com grão e uma boa quantidade de couves, do que as que temos mais ou menos numa fatia dourada (grande)…

O meu conselho é que comam uma boa posta de bacalhau, uma porção de grão e uma quantidade generosa de couves. Assim ficarão já bastante saciados de maneira a resistir a alguns pecados.

Não acredito em Natal sem alguns abusos (as rabanadas, o bolo-rei, as filhoses), mas se ficarem bem saciados com o prato principal acabam por conseguir apenas experimentar os doces mas sem abusarem deles.

Um bom mês de Dezembro para todos!